05/04/2018

Enfermeira da FEB é homenageada pelo seu centenário

O Conselho Regional de Enfermagem do Rio de Janeiro –

O Conselho Regional de Enfermagem do Rio de Janeiro – Coren-RJ – participou na manhã desta quinta-feira (5) de uma justa e emocionante homenagem à enfermeira ex-combatente da Força Aérea Expedicionária Brasileira (FEB), que em 2018 completa 100 anos de vida: a capitão Virgínia Maria de Niemeyer Portocarrero.  A serviço da pátria, a enfermeira carioca atuou no socorro aos soldados feridos em combate, na II Guerra Mundial, prestando os cuidados e assistência de enfermagem.

A conselheira e primeira-tesoureira do Coren-RJ, Maria Lúcia Tanajura Machado, representou a autarquia na cerimônia intitulada “A Enfermeira que cuidou dos heróis da II Guerra Mundial”, realizada no Monumento Nacional aos Mortos da Segunda Guerra Mundial (Monumento aos Pracinhas), no Aterro do Flamengo.

O evento teve a chancela do Laboratório de História do Cuidado e Imagem da Enfermagem (LACUIDEN a Escola de Enfermagem Alfredo Pinto da Universidade (EEAP – UNIRIO) e da Diretoria de Patrimônio Histórico e Cultural do Exército Brasileiro, representados pelos seus diretores Prof. Dr. Fernando Porto e o General de Divisão Riyuzo Ikeda. Após a solenidade, a pesquisadora enfermeira Dra. Margarida Bernardes, aluna de pós-doutorado da UNIRIO, ministrou uma conferência sobre a trajetória da capitão-enfermeira Virgínia.

A conselheira Maria Lúcia Tanajura declarou a grande satisfação em representar o Coren-RJ na solenidade e entregou flores à homenageada:

– A destemida capitão-enfermeira Virgínia Maria de Niemeyer Portocarrero, tem seu histórico profissional pautado pela ética, conhecimento e deixa um rico legado à história. Sua trajetória enobrece a enfermagem e serve de exemplo para enfrentarmos com força a luta diária de cuidar dignamente dos pacientes do sucateado Sistema Único de Saúde, que muitas vezes é comparado a um atendimento de guerra.

Também foram homenagear a capitão-enfermeira Virgínia a deputada Enfermeira Rejane, o presidente nacional da Cruz Vermelha, Julio Cals de Alencar, a diretora da Escola de Enfermagem Alfredo Pinto (EEAP – UNIRIO) enfermeira Dra. Sonia Souza, entre outras autoridades.




  • BannerLateral_codigo_etica
  • e-dimensionamento-207x117
  • add_5
  • parecer_CT2